"Insensato Coração": Cortez e Léo se unem em uma série de crimes

http://4.bp.blogspot.com/-M3vjbg494LQ/TavHPXIx5EI/AAAAAAAAFYQ/1obsEJrjdWk/s1600/001.jpg

Léo (Gabriel Braga Nunes) toma coragem e pede a Marina (Paola Oliveira) que lhe arrume um emprego. A designer, claro, promete ajudá-lo. E o safado acha que vai virar executivo do grupo Drummond. Mas cai do cavalo.

Dias depois, ela o chama a seu escritório e lhe diz que ele será gerente de hotelaria da empresa Delamare, sua principal cliente. Léo fica decepcionadíssimo, mas disfarça, agradecendo efusivamente. No primeiro cruzeiro do navio Delamare, o vilão resolve jogar alto.

Léo intercepta Cortez (Herson Capri), lhe pede um emprego e entrega seu currículo. E, claro, aproveita a oportunidade para adular o banqueiro. O rapaz garante que o admira por ser ousado. O empresário percebe que está frente a um bandido igual a ele e pergunta: "Seria capaz de fazer qualquer coisa para conseguir o que quer?" A resposta é óbvia: "Qualquer coisa!" Léo coloca-se à disposição do executivo e começa a agir.

Depois de passar a perna em Henrique (Ricardo Pereira) e ficar com as provas que incriminam Cortez, Léo vira o braço direito do empresário. Só que nem tudo serão flores. Assim como Henrique, Léo estará sempre pronto para passar a perna no chefe.

Pouco tempo depois, o vilão achará que é pouco a posição que ocupa e decide voar mais alto e conquistar Marina. Ele, então, se une a Irene (Fernanda Paes Leme) para separar a designer de Pedro (Eriberto Leão). Seu plano é simples: casar com a milionária e virar presidente do Grupo Drummond.

Com informações da Revista Minha Novela, da Editora Abril.

0 comentários:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário.