Paraíso

http://2.bp.blogspot.com/_v1vbYSG8Dq8/S-HpEjKkGaI/AAAAAAAACMA/Cklc_No44-Q/s1600/paraiso.jpg

Sinopse

Baseada em uma história escrita pelo renomado autor Benedito Rui Barbosa, mesmo autor de Terra Nostra, “Paraíso” é uma moderna adaptação de sua primeira versão, exibida nos anos 80, com sucesso de audiência.

Zeca, um jovem peão conhecido como “o filho do diabo”, por causa de uma brincadeira de seu pai Eleutério, volta a sua cidade natal Paraíso depois de anos estudando fora, e conhece o grande amor de sua vida: Maria Rita. Uma linda joven chamada “Santa”, apelido escolhido por sua mãe, uma beata que sonha que sua filha vá para um convento e se torne freira.

Quando o peão sofre um acidente, Maria Rita faz uma promessa: se afastar de seu grande amor em troca de sua cura. Triste e desiludido com a decisão de sua amada, Zeca casa-se com sua irmã de criação, Rosinha, que sempre foi apaixonada por ele.

Paraíso é uma cidade pequena que mistura as tradições e crenças de um povo, com a modernidade de uma galera jovem, vinda do Rio de Janeiro que vive grandes aventuras e amores na cidade que é conhecida como um lugar para se amar.

Paraíso. Pode o amor romper uma promessa?

Elenco

Ator Personagem
Eriberto Leão José Eleutério Ferrabraz (Zeca / filho do Diabo)
Nathália Dill Maria Rita Godói (Santinha)
Mauro Mendonça Antero Godói
Cássia Kiss Mariana Godói
Vanessa Giácomo Rosa (Rosinha)
Alexandre Nero Terêncio
Soraya Ravenle Josefa Ferrabraz (Zefa)
Kadu Moliterno Bertoni
Cristiana Oliveira Zuleika Tavares
Leopoldo Pacheco Prefeito Norberto Medeiros
Bia Seidl Aurora Medeiros
Cris Vianna Candinha
Fernanda Paes Leme Maria Rosa Albuquerque Medeiros
Guilherme Berenguer Ricardo
Juliana Boller Ana Célia Aires (Aninha)
Lucy Ramos Cleusinha
José Augusto Branco Amadeu (Nono)
Genézio de Barros Alfredo Modesto
Lucci Ferreira Geraldo Valfrido Gutiérrez
Guilherme Winter Otávio Elias Barbosa
Alexandre Rodrigues Tóbi
Cláudio Galvan Vadinho
Gésio Amadeu Capita
Cosme dos Santos Zé do Correio
Carol Abras Jacira
Mareliz Rodrigues Nina
Manuela do Monte Tonha
Jackson Costa Isidoro
Hugo Gross Pedro do Posto
João Sabiá Marcos Miola
Oscar Magrini Falconi
Aisha Jambo Leni Peixoto
Lidi Lisboa Das Dores
Paula Barbosa Edite
Rodrigo Satter Tiago
Yassir Chediak Juvenal
Thommy Schiavo Chico
Eduardo Di Tarso Paraná


Personagens

Maria Rita Zeca Rosinha

Eleutério Zefa Terêncio

Padre Bento Mariana Antero

Aninha Ricardo Dona Ida

Geraldo Maria Rosa Otávio

Norberto Aurora Alfredo Modesto

Tóbi Das Dores Zé Camilo

Bertoni Zuleica Nôno

Vadinho Edite Marcos
Fonte: Reprodução / Rede Globo

Trilha Sonora




Bastidores

Remake do folhetim rural de Benedito Ruy Barbosa exibido em 1982, que conseguiu cumprir a difícil missão de recuperar a audiência perdida no horário das 6. Com índices de audiência que há alguns anos atrás seriam considerados baixos para a faixa horária, Paraíso conseguiu aumentar o Ibope das 6, que estava comprometido desde o desempenho de Eterna Magia, em 2007. Isso fez com que a direção da emissora espichasse a novela em aproximadamente 30 capítulos.

Esta regravação segue a linha de remakes do autor que a Globo vem produzindo nos últimos anos para o horário (a exemplo de Cabocla e Sinhá Moça).

Mesmo sendo uma novela de 26 anos atrás, Paraíso trouxe elementos atuais, como explicou o próprio autor.
"O texto traz enfoques políticos, aborda a questão agrária, alerta sobre o desmatamento e mostra a chegada do progresso à pequena cidade de Paraíso", disse Benedito.
As filhas do autor, Edmara e Edilene, foram as responsáveis pela atualização da trama e assinaram esta nova versão.

Edmara Barbosa, que colaborou na primeira versão e atualizou e assinou a nova versão, preocupou-se em preservar a história original, atualizando temas que foram mostrados na novela, como a questão da distribuição de terras, a ocupação planejada e o desmatamento. Coube a Edilene Barbosa, o trabalho de pesquisa para o desenvolvimento destes assuntos.
"Estamos atualizando a novela, compromissados com a primeira versão. Vamos modernizar algumas questões, aumentar a participação de alguns personagens, aproveitar algumas histórias, sempre dentro do contexto da novela original", explicou Edmara.

Uma das curiosidades do remake da novela foi a presença do cantor Daniel assumindo o papel que na primeira versão foi do também cantor Sérgio Reis. Esse, aliás, é o segundo personagem de Reis que Daniel assume. Ele também esteve no filme O Menino da Porteira, que foi protagonizado no passado por Sérgio Reis.

Apesar de ser uma regravação, alguns toques de exclusividade foram acrescentados, como o nome do personagem de Daniel: Zé Camilo. Não poderia ser o mesmo de Sérgio Reis em 1982, Diogo, pois este foi também o nome de Daniel no filme O Menino da Porteira. O cantor pediu pessoalmente ao autor Benedito Ruy Barbosa que mudasse o nome de Diogo para o nome de seu pai, e teve o pedido prontamente atendido.
"Na verdade, ele se chamaria Diogo, mas o Benedito e eu decidimos em comum acordo mudar o nome para não haver confusão com o meu papel no filme. Então sugeri que fosse Zé Camilo, em homenagem ao meu pai, José Sebastião Camillo, que nasceu em uma fazenda chamada Paraíso", contou Daniel, que também é Zé Camillo, José Daniel Camillo.

Outro destaque foi a volta de Kadu Moliterno, que na primeira versão de Paraíso viveu o protagonista, José Eleutério, e 26 anos depois voltou a atuar na mesma trama, desta vez como o comerciante Bertoni. Para Kadu foi uma honra estar novamente na novela que deu tanto destaque em 1982.
"Até hoje em alguns lugares me chamam de Filho do Diabo", lembrou o ator falando da importância do personagem para sua carreira.

Os atores Cosme dos Santos e Bia Seidl (Zé do Correio e Aurora desta versão) também participaram da novela original (como Tóbi e Edite, respectivamente).

Diferentemente da primeira versão, onde a fictícia cidade de Paraíso se localizava no interior do Estado de São Paulo, neste remake a cidadezinha foi localizada próxima à Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso. Edmara Barbosa explicou a mudança de cenário:
"Desde o início pensei no Mato Grosso como cenário dessa história. Primeiro porque o Mato Grosso é reconhecidamente forte no agronegócio, e possui um vasto rebanho bovino. A pecuária de corte faz parte do universo ficcional da novela, como faz parte do universo real desse Estado. E a Chapada dos Guimarães é lindíssima. As cenas que foram gravadas ali enriqueceram e deram um colorido todo especial à trama."

Paraíso teve externas em três estados diferentes do Brasil. No Rio de Janeiro, as cidades de Cachoeira de Macacú, Itaboraí, Conservatória e Miguel Pereira serviram de cenário. Em Mato Grosso, Cuiabá, Nobres, Chapada dos Guimarães e Poconé receberam a comitiva dos peões da novela. E, por fim, Carrancas, em Minas Gerais, registrou o primeiro encontro entre Zeca e Santinha.

A trilha sonora da trama também obteve sucesso. O primeiro CD lançado teve uma vendagem superior a 80 mil cópias, número considerado excelente para os dias atuais.

Além de Daniel, a novela teve a participação de cantores e duplas sertanejas como Sérgio Reis, Chitãozinho & Xororó, Bruno & Marrone, Victor & Léo, Enzo & Rodrigo, Hugo & Tiago e outros.

No capítulo do dia 25/03/2009 os personagens Zeca (Eriberto Leão), Terêncio (Alexandre Nero) e Zé Camilo (Daniel) transmitiram uma mensagem sobre o aquecimento global e a preservação da natureza, passando imagens de poluição, desmatamentos e catástrofes reais, como as enchentes que atingiram o Vale do Itajaí em novembro de 2008, em Santa Catarina.

Nathália Dill quebrou o braço direito na quinta-feira, dia 01/10, durante a gravação do último capítulo de Paraíso. A atriz estava andando a cavalo quando levou um tombo. Ela estava numa locação em Guaratiba, Zona Oeste do Rio, gravando a cena em que sua personagem, Maria Rita, foge a cavalo da igreja. A atriz tomou analgésicos e foi levada a uma clínica em Botafogo, para tirar radiografias.

Créditos

Globo - 18h
de 16 de março a 3 de outubro de 2009
173 capítulos
novela de Benedito Ruy Barbosa
adaptação de Edmara Barbosa
colaboração de Edilene Barbosa
direção de Rogério Gomes, André Felipe Binder, Pedro Vasconcelos e Paulo Ghelli
direção geral de Rogério Gomes

1 comentários:

  1. Por favor, eu estou à procura de histórias para ter sua me diga como eu posso comprar ou baixar.
    Preciso ver isso, tem atores muito bons. Eu vi em partes no Youtube, mas eu quero vê-lo concluído.

    Obrigado,

    Um beijo,

    ResponderExcluir

Poste aqui seu comentário.